Amaraji: Doente mental mata professora por motivo fútil

O doente mental Elias da Silva Nascimento, de 41 anos, esfaqueou e matou a professora Antônia de Fátima Gomes da Silva no município de Amaraji, se configurando numa das maiores tragédias da pequena cidade da Mata Sul.

Segundo informações dos familiares da vitima o doente mental estava em um armazém da cidade quando a professora chegou para comprar um simples cadeado, quando o mesmo a indagou onde seria usado. A professora respondeu que não era de seu interesse. Após a resposta o mesmo ficou chateado com a forma que foi tratado e seguiu a vitima deferindo-a, segundo o próprio, com 2 a 3 facadas.

Logo após o crime, o acusado caminhou pela rua em direção a sua residência quando foi capturaram por populares que o entregaram a policia local.

A professora Fátima, como era conhecida, deu entrada no hospital sem vida. O acusado foi recolhido a Delegacia de Amaraji onde foi lavrado o Boletim de Ocorrência por homicídio doloso (motivo fútil) e logo após recolhido ao presídio de Vitoria de Santo Antão.

A morte da professora levou à cidade de Amaraji a comoção, pois a mesma era muito conhecida por seu trabalho e serviços prestado a comunidade.

Fonte e foto: Amaraji Noticias

Anúncios

Um pensamento sobre “Amaraji: Doente mental mata professora por motivo fútil

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s