Cabo Bruno assassinado

Por André Luís ( Fonte R7 )

O ex-policial militar Florisvaldo de Oliveira, mais conhecido como Cabo Bruno, foi assassinado com 18 tiros em Pindamonhangaba, no interior paulista, no final da noite desta quarta-feira (26). Segundo a polícia, ele chegava em casa com a família, após voltar de um culto religioso.

A execução aconteceu na rua Inácio Henrique Moreira, no bairro Quadra Coberta, por volta das 23h45. Cabo Bruno estava dentro de um carro  Astra e retornava da cidade de Aparecida do Norte. Dois homens se aproximaram do veículo do ex-policial e atiraram. Os criminosos correram em direção a um carro, onde um terceiro bandido os aguardava. O trio fugiu sem roubar nada.

Cabo Bruno foi morto cerca de um mês depois de deixar o presídio de Tremembé. Ele estava preso porcometer vários homicídios. Quando era soldado da Polícia Militar, no começo dos anos 80, Cabo Bruno virou um dos justiceiros mais famosos de São Paulo. Ele recebia dinheiro de comerciantes para matar jovens criminosos em bairros da periferia da zona sul da capital paulista. Cabo Bruno admitia ter matado mais de 50 pessoas.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s