Mais uma recomendação tenta impedir a prática do nepotismo em Pernambuco

charge-nepotismo-bebe1Uma recomendação publicada pelo Ministério Público de Pernambuco (MPPE) coloca em cheque (mais uma vez) parentes do prefeito e vice-prefeito de Escada. A orientação, dessa vez direcionada ao prefeito do município de Nazaré da Mata, sugere aos governantes daquela cidade prazo de 90 dias para exonerar seus parentes.

No rol dos impedidos de assumirem cargos na administração pública estão “cônjuge do prefeito, vice-prefeito, secretários e de pessoas com funções de chefia, direção ou assessoramento na administração pública e no Legislativo municipal”.

Como sabemos, em Escada essa é uma prática corriqueira desde 2005. Apesar de recomendação do MPPE, e das denúncias feitas a partir daquele ano, o prefeito Jandelson e o vice “Chico” se fazem de desentendidos. Com isso seus parentes estão, há nada menos que 7 anos, atuando de forma irregular.

A recomendação também alerta que pessoas com o parentesco citado “não devem ser contratadas, mesmo que por tempo determinado e para atender necessidades urgentes de interesse público”. E então? Será que a recomendação também vai valer para Escada?

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s